Pesquisar este blog

terça-feira, 17 de agosto de 2021

MÃO ROBÓTICA FLEXÍVEL!

 Mão robótica flexível oferece controle tátil

Redação do Diário da Saúde
  • Mão robótica flexível oferece controle tátil











A mão robótica inflável dá aos amputados controle tátil em tempo real. A mão inteligente é macia e elástica, pesa cerca de meio quilo e custa uma fração de próteses comparáveis.
[Imagem: Guoying Gu et al. - 10.1038/s41551-021-00767-0]

Mão robótica inflável

Dizendo ter-se inspirado no robô Baymax, do filme Big Hero, engenheiros do MIT (EUA) e da Universidade Shanghai Jiao Tong (China) apresentaram uma mão neuroprotética macia, leve e que poderia ser fabricada a um custo baixo.

As neuropróteses atuais podem custar dezenas de milhares de dólares e são construídas em torno de esqueletos de metal, com motores elétricos que podem ser pesados e rígidos.

Enquanto isso, amputados que testaram o novo membro artificial flexível afirmaram conseguir realizar atividades diárias, como fechar uma mala, despejar uma caixa de suco e acariciar um gato, tão bem quanto - e em alguns casos até melhor do que - aqueles com neuropróteses rígidas.

A prótese, projetada com um sistema de feedback tátil, restaurou algumas sensações primitivas no membro residual de um dos voluntários, no qual essa possibilidade foi testada. A mão robótica também se mostrou surpreendentemente durável, recuperando-se rapidamente após ser atingida por um martelo ou ficar sob o pneu de um carro em movimento.

A mão inteligente é macia e elástica, e pesa cerca de meio quilo, mas toda a parte de controle precisa ser presa à cintura. Seus componentes custaram cerca de US$ 500, o que ainda é bastante, mas é uma fração do peso e do custo do material associados a membros inteligentes mais rígidos.

"Não é um produto ainda, mas o desempenho já é semelhante ou superior às neuropróteses existentes, o que nos deixa entusiasmados," disse o professor Xuanhe Zhao. "Há um enorme potencial para fazer essa prótese macia de custo muito baixo, para famílias de baixa renda que sofreram amputações."

Mão robótica flexível oferece controle tátil
O sistema de controle e interpretação dos sinais fica em uma bolsa colocada na cintura.
[Imagem: Guoying Gu et al. - 10.1038/s41551-021-00767-0]

Robótica macia

O design flexível tem uma certa semelhança com o robô inflável do filme de animação "Big Hero".

Assim como o androide Baymax, a mão artificial é feita de um material macio e elástico - neste caso, o elastômero comercial EcoFlex. A prótese compreende cinco dedos em forma de balão, cada um com segmentos de fibra embutidos, semelhantes aos ossos articulados dos dedos reais. Os dígitos flexíveis são conectados a uma palma impressa em 3D, com a forma de uma mão humana.

"Agora temos quatro tipos de garras. Pode haver mais," disse Zhao. "Este design pode ser melhorado, com melhor tecnologia de decodificação, matrizes mioelétricas de alta densidade e uma bomba mais compacta, que possa ser usada no pulso. Também queremos personalizar o design para produção em massa, para que possamos traduzir a tecnologia robótica macia para beneficiar a sociedade."

Checagem com artigo científico:

Artigo: A soft neuroprosthetic hand providing simultaneous myoelectric control and tactile feedback
Autores: Guoying Gu, Ningbin Zhang, Haipeng Xu, Shaoting Lin, Yang Yu, Guohong Chai, Lisen Ge, Houle Yang, Qiwen Shao, Xinjun Sheng, Xiangyang Zhu, Xuanhe Zhao
Publicação: Nature Biomedical Engineering
DOI: 10.1038/s41551-021-00767-0


https://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=mao-robotica-flexivel-oferece-controle-tatil&id=14880&nl=nlds

sábado, 7 de agosto de 2021

INSTITUTO PLURAL e o APOIO AO BASQUETE JUVENIL PROCOPENSE!

Grupos de jovens basqueteiros, liderados pela Profa. Alessandra, foram contemplados pelo INSTITUTO PLURAL com máscaras, coletes para treinamento e produtos dermocosméticos (oriundos da parceria INSTITUTO PLURAL-FARMÁCIA E DROGARIA NISSEI).
Estes jovens estão treinando para o Jogos da Juventude 2021!









 

terça-feira, 3 de agosto de 2021

RAÍSSA CICLISTA!!

 O INSTITUTO PLURAL, cumprindo com competência e seriedade a sua função social, desta vez atendeu às necessidades imediatas da ciclista RAÍSSA ROBERTA DE PAULA, filha do procopense José A. de Paula.  

Competidora nas provas de Speed, Raíssa ---que já conquistou medalhas nestas provas--- necessitava apoio para participar dos Jogos Escolares 2021, etapa a ser realizada em Araucária – PR.

O INSTITUTO PLURAL providenciou uma revisão completa em sua bicicleta e também comprou pneus, selim, bomba de ar, câmaras de ar, luvas, óculos e meias. Forneceu também à Raíssa camiseta, máscaras e arcou com suas despesas de transporte.

Agradecemos aos amigos-empresários procopenses Dominguinhos (da BICICLETARIA SÃO DOMINGOS – 72 anos atendendo toda a nossa região) e Willian (da PEDAL LIFE) pelo apoio e atendimento especiais. Menção especial à NISSEI, parceira de primeira hora do INSTITUTO PLURAL: nos doou produto dermocosmético e também repassado à Raíssa.  

Que a garota RAÍSSA estude muito, se empenhe, treine bastante e tenha muita sorte, pois a trajetória é longa, árdua, mas compensadora!

















segunda-feira, 26 de julho de 2021

INSTITUTO PLURAL e NISSEI: NOVA AÇÃO ENVOLVENDO TRABALHADORES URBANOS!

Trabalhadores municipais do setor de limpeza de Cornélio Procópio - PR estão sendo atendidos por ações do INSTITUTO PLURAL, fruto da parceria com a FARMÁCIA E DROGARIA NISSEI: produto da linha dermocosmética foram a eles fornecidos.   

terça-feira, 20 de julho de 2021

SUPERIDOSOS!

 

Outra equipe desvendou recentemente como a imaginação e a realidade fluem 
no cérebroalgo que também envolve o córtex visual.
[Imagem: Nick Berard]

Superidosos

À medida que envelhecemos, nossos cérebros normalmente passam por um lento processo de atrofia, enfraquecendo a comunicação entre as várias regiões neurais, o que eventualmente leva ao declínio da memória e de outras funções cognitivas.

Mas um grupo raro de indivíduos mais velhos, chamados pelos cientistas de "superidosos", demonstrou a mesma capacidade de aprender e lembrar informações novas que um jovem de 25 anos.

Pesquisadores do Hospital Geral de Massachusetts (EUA) identificaram agora a atividade cerebral que está por trás da ótima memória desses superidosos.

"Usando a ressonância magnética, descobrimos que a estrutura dos cérebros dos superidosos e a conectividade de suas redes neurais se assemelham mais aos cérebros de adultos jovens; os superidosos evitaram a atrofia cerebral normalmente observada em adultos mais velhos," contou a professora Alexandra Touroutoglou, referindo-se ao trabalho anterior da equipe.

Capacidade seletiva

Agora, eles usaram imagens de ressonância magnética funcional (fMRI), que, ao contrário da ressonância magnética comum, mostra a atividade de diferentes áreas do cérebro durante a realização de tarefas, e não apenas imagens estáticas.

A equipe descobriu que os neurônios no córtex visual do cérebro dos adultos mais velhos que continuam "super" apesar do envelhecimento retêm sua capacidade seletiva e eficiente de processar estímulos visuais e criar uma memória distinta das imagens.

"Os superidosos mantiveram o mesmo alto nível de diferenciação neural, ou seletividade, que um adulto jovem," acrescentou a pesquisadora Yuta Katsumi. "Seus cérebros lhes permitiram criar representações distintas das diferentes categorias de informação visual para que pudessem lembrar com precisão os pares imagem-palavra."

  • Intervenções

Estudos anteriores demonstraram que o treinamento pode aumentar a seletividade das regiões do cérebro, o que pode ser uma intervenção potencial para atrasar ou prevenir o declínio da diferenciação neural em adultos que envelhecem normalmente e tornar seus cérebros mais parecidos com os dos superidosos.

Em um esforço desse tipo, a equipe está conduzindo um ensaio clínico para avaliar se a estimulação eletromagnética não invasiva, que aplica uma corrente elétrica para áreas específicas do cérebro, pode melhorar a memória dos adultos mais velhos.

Os pesquisadores também planejam estudar diferentes regiões do cérebro para entender melhor como os superidosos aprendem e se lembram, e examinarão o estilo de vida e outros fatores que podem contribuir para a incrível memória dos superidosos.

  • Checagem com artigo científico:

Artigo: Greater Neural Differentiation in the Ventral Visual Cortex Is Associated with Youthful Memory in Superaging
Autores: Yuta Katsumi, Joseph M Andreano, Lisa Feldman Barrett, Bradford C Dickerson, Alexandra Touroutoglou
Publicação: Cerebral Cortex
Vol.: bhab157
DOI: 10.1093/cercor/bhab157

https://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=memoria-superidosos&id=14828&nl=nlds

segunda-feira, 19 de julho de 2021

CAMPANHA: LATAS AMASSADAS ANTES DO DESCARTE!

Como não conseguimos diminuir a população de animais de rua, por várias razões, atuemos de forma menos danosa, então! 



 

domingo, 18 de julho de 2021

DIAGNÓSTICO DE AUTISMO e INOVAÇÃO!

 EUA autoriza dispositivo para auxiliar diagnóstico de autismo

16 de junho de 2021Imagem: Divulgação/Reprodução

A Food and Drug Administration (FDA), órgão regulador de saúde dos Estados Unidos da América (EUA), aprovou um dispositivo de auxílio para diagnóstico do Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). O Cognoa ASD Diagnosis Aid é um programa e dispositivo médico baseado em machine learning e pode ajudar profissionais a diagnosticar autismo em crianças de 18 meses a 5 anos de idade.

Segundo informações divulgadas pelo FDA, o Cognoa ASD Diagnosis usa um algoritmo de machine learning com base em dados de familiares, cuidadores e outros profissionais para avaliar hipóteses de autismo em crianças. Se houver informações satisfatórias para um resultado, o aplicativo retorna se o caso é “positivo” ou “negativo” para autismo.

Em entrevista ao podcast Reload, a fonoaudióloga Natália Nunes comentou que um auxílio para o diagnóstico e intervenção precoce é importante. “Essa questão do diagnóstico precoce, do início do tratamento mais cedo possível para o paciente ter as suas habilidades neurocognitivas desenvolvidas, suas habilidades de fala, linguagem desenvolvida, são muito importantes, tem um impacto muito grande na dessa criança e dos familiares no geral”, afirmou.

https://www.canalautismo.com.br/noticia/eua-autoriza-dispositivo-para-auxiliar-diagnostico-de-autismo/

ATIVIDADES PARA AUTISTAS!

 5 atividades que podem ajudar crianças autistas na autoestima e autonomia

3 de julho de 2021Atividades para as crianças, especialmente as autistas, fazerem em casa — Instituto Mauricio de Sousa e Revista AutismoCapa do guia "Atividades para as crianças, especialmente as autistas, fazerem em casa", uma parceria entre o Instituto Mauricio de Sousa e a Revista Autismo.

Guia feito pelo Instituto Mauricio de Sousa e Revista Autismo dá diversas dicas

Durante a pandemia, muitas famílias tiveram que usar a criatividade para pensar em atividades para as crianças, principalmente as que estão ainda sem ir presencialmente à escola. Para os autistas, o desafio é ainda maior, sem escola e sem terapia em muitas ocasiões. Aqui vão 5 dicas de atividades que podem ser muito úteis a todas as crianças, mas, em especial, às autistas:

Dica de atividade com André, da Turma da Mônica - Canal Autismo / Revista Autismo
1

Brinquedos espalhados pelo chão, por exemplo, podem virar uma atividade para os pequenos. Nesse “campo minado”, cada brinquedo “resgatado” e guardado numa gaveta ou baú, vale ponto. Os itens menores, que exigem mais coordenação motora fina, valem mais pontos. Assim, pode-se arrumar a bagunça de maneira divertida e estimulando a habilidade da criança. E no fim, comemorar, mais uma conquista para se orgulhar!

2

Quem está na foto? Que tal pedir para a criança nomear as pessoas que ela conheça nas fotos? Isso auxilia a memória e a abstração. Podemos pedir para ela contar uma história sobre aquela foto e trabalhar a criatividade. Coloque também foto da própria criança. São inegáveis os benefícios de reconhecer-se e valorizar-se como pessoa!

3

Faça um buraco numa caixa (pode ser de sapato) num tamanho para passar somente a mão. Coloque dentro alguns objetos e peça para a criança adivinhar o que é, somente pelo tato. Não vale espiar, hein!? Isso estimula não só o tato, como a comunicação e a habilidade de descrever objetos. Dar pulos para comemorar e aplaudir o sucesso da criança não só incentiva como também melhora muito sua autoestima.

Dica de atividade com André, da Turma da Mônica - Canal Autismo / Revista Autismo
4

Fique em frente à criança e faça vários movimentos. Ela tem que imitar ao mesmo tempo que você faz os gestos! Não vale ir muito depressa ou pular etapas. Esta atividade trabalha os domínios atencionais e de controle inibitório. E, se ver no espelho, ajudou a valorizar sua imagem e a si mesmo, claro!

5

Por fim, uma atividade que pode ser feita o dia todo, nos pequenos detalhes do dia a dia. É importante que a criança continue com a autonomia conquistada. Nada de fazer pelos pequenos coisas que eles fazem sozinhos na escola. É legal elogiar sempre o que a criança fizer e conseguir. É muito bom demonstrar o quanto ela é valorizada e o quanto você a ama.
Atividades para as crianças, especialmente as autistas, fazerem em casa — Instituto Mauricio de Sousa e Revista Autismo

Guia

Estas e outras atividade e recomendações estão no guia gratuito “Dicas de atividades para as crianças, em especial as autistas, fazerem em casa”, que foi realizado em parceria com Instituto Mauricio de Sousa e Revista Autismo, com dicas de atividades do Centro Neuro Days e patrocínio da Academia do Autismo. A estrela da capa e das páginas internas do guia é o André, o personagem autista da Turma da Mônica.

“O nosso personagem André nos deixa muito felizes por estar, cada vez mais, ganhando reconhecimento e contribuindo para levar essa representatividade à comunidade autista. E também informações corretas que ajudam as famílias a apoiar o pleno desenvolvimento das crianças que fazem parte do Transtorno do Espectro do Autismo. Esse guia é um exemplo das ações com o personagem com esse objetivo”, comenta Mauricio de Sousa.

O Guia pode ser baixado gratuitamente no site do Instituto Mauricio de Sousa, no site da Revista Autismo, ou ainda na Academia do Autismo.

Sobre as instituições

Instituto Mauricio de Sousa (IMS) – Fundado nos anos 90, o IMS realiza projetos, campanhas e ações sociais focados na construção de conteúdos que, por meio de uma linguagem clara e lúdica, estimulam o desenvolvimento humano, a inclusão social, o incentivo à leitura, o respeito entre as diferenças, a formação de cidadãos conscientes e conhecedores de seus deveres e direitos.

Revista Autismo – Publicação gratuita, impressa e digital, a Revista Autismo (fundada em 2010) é a primeira revista periódica da América Latina sobre o assunto, além de ser a primeira, do mundo, em língua portuguesa. Com edições trimestrais, a revista está com site novo: o CanalAutismo.com.br

Centro de Avaliação Neuro Days é uma entidade que realiza avaliações neuropsicológicas e psicológicas por valores sociais baseados em questionário socioeconômico com o objetivo de democratizar esse exame tão importante e que por vezes não é acessível para as famílias mais carentes.

Academia do Autismo é uma instituição fundada em 2016 especializada no ensino à distância na área do Transtorno do Espectro Autista, com mais de 20 mil alunos formados, e que visa ser um porto seguro de conhecimento A Academia do Autismo é uma instituição fundada em 2016 especializada no ensino à distância na área do Transtorno do Espectro Autista, com mais de 20 mil alunos formados, e que visa ser um porto seguro de conhecimento para profissionais e familiares.


https://www.canalautismo.com.br/ebooks/5-atividades-que-podem-ajudar-criancas-autistas-na-autoestima-e-autonomia/