Pesquisar este blog

quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

"TRABALHADORES DA AREIA" do litoral do PARANÁ!

INSTITUTO PLURAL firmou um termo de parceria e cooperação com a AVERVAM - Associação dos Verdadeiros Vendedores Ambulantes de Matinhos, no litoral do PR e nele estão previstas ações de ASSESSORAMENTO, baseadas nas determinações da Política Nacional de Assistência Social. Por isso, a grande e prestigiada empresa brasileira NISSEI está dando respaldo a um empreendimento inédito naquela região!
Camisetas personalizadas, máscaras são só uma evidente e primeira preocupação com a saúde e integridade dos trabalhadores locais, dos habitantes daquele município tanto quanto dos veranistas e turistas que escolheram um excelente local para seus dias de lazer.
"Trabalhadores da Areia" são credenciados ao trabalho pela Prefeitura de Matinhos, também partícipe desta ação primeira!
Nossos agradecimentos a todos os envolvidos!
4
Pessoas alcançadas
0
Engajamentos
Curtir
Comentar
Compartilhar

Nossa homenagem aos "Trabalhadores da Areia" do município de Matinhos-PR, pertencentes à AVERVAM - Associação dos Verdadeiros Vendedores Ambulantes de Matinhos!

Parceria com INSTITUTO PLURAL já está dando ótimo resultado.

À NISSEI, agradecimento especial por atuar para o fortalecimento grupal!

Ótimo 2021 para todos nós!!





segunda-feira, 28 de dezembro de 2020

BADMINTON

Embora as origens exatas do Badminton não sejam claras, jogos que utilizavam uma peteca e uma espécie de raquete eram realizados na China, Japão, Índia, Sião e Grécia há mais de 2.000 anos.

Entre 1856 e 1859, um jogo chamado “raquete e peteca” começou a evoluir para o moderno jogo de Badminton, na “Badminton House”, a residência campestre do Duque de Beaufort, na Inglaterra.

Jogos similares eram jogados em Poon na Índia nessa mesma época, quando foi estabelecido um código de conduta para o Badminton em 1877.

O objetivo do jogo de “raquete e peteca” como era jogado na “Badminton House” era manter a peteca no ar o maior tempo possível, golpeando-se a peteca entre duas pessoas ou mais. Hoje em dia é o contrário. Agora o objetivo é terminar a jogada o mais rápido possível para ganhar pontos contra um adversário.

                                                 BADMINTON HOUSE 


JOGOS DA MENTE: XADREZ, GO, MANCALA, DA ONÇA ...

Neste domingo, 26 de dezembro de 2020, JONI SILVA CORREIA, do INSTITUTO PLURAL teve um encontro importantíssimo com o Senhor MARCUS VINICIUS LOBO, presidente da CBXE - CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE XADREZ ESCOLAR, do CEBEM – CENTRO BRASILEIRO DOS ESPORTES DA MENTE e da FPXE – FEDERAÇÃO PARANAENSE DE XADREZ ESCOLAR.


O Sr. Marcus é um batalhador, entusiasta desta área e vem atuando há muitos anos para o desenvolvimento destes jogos da mente em nossa rede escolar.

Acertado, entre estes parceiros, um compromisso de trabalho conjunto, inclusive o importantíssimo que é o de CAPACITAÇÃO DE EDUCADORES!!

Entendemos que o XADREZ ESCOLAR deverá capitanear o processo, mas jogos outros da mente como, por exemplos, o da  ONÇA, a MANCALA, o GO, a TRILHA, DAMA serão também protagonistas desta necessária, imprescindível AÇÃO SÓCIO-EDUCATIVA!  

JOGO DA ONÇA


Objetivo do jogo:  a onça capturar cinco cachorros ou os cachorros imobilizarem a onça.

Jogo da Onça ou adugo (onça, na língua dos Bororo) é um jogo de origem indígena brasileiro. Um dos povos indígenas é o bororo. O povo Bororo jogou o GO antes mesmo da colonização portuguesa, antes do contato com não indígenas.

Objetivo do jogo: capturar a maior quantidade de sementes. De origem africana, mais precisamente do Egito. Tem origem na palavra árabe nagaala que significa mover”.



sábado, 26 de dezembro de 2020

CÉREBRO ABDOMINAL!

 Cientistas começam a classificar neurônios do cérebro abdominal

Redação do Diário da Saúde

Cientistas começam a classificar neurônios do
Os pesquisadores identificaram 12 subtipos neuronais diferentes (confetes) no intestino delgado de camundongos e descobriram que estes se desenvolvem por meio de dois protótipos de neurônios embrionários (fluxos de confetes).
[Imagem: Mattias Karlén]

Sistema nervoso entérico

Nosso trato gastrointestinal, com seus cerca de sete metros de comprimento, tem seus próprios neurônios funcionalmente distintos.

Como há pouco tempo os cientistas descobriram que este sistema nervoso entérico (SNE) opera de forma autônoma, eles começaram a chamá-lo de "segundo cérebro" ou "cérebro abdominal".

O sistema nervoso entérico não apenas controla o movimento muscular do intestino (peristalse) e seu equilíbrio de fluidos e fluxo sanguíneo, como também ele se comunica com o sistema imunológico e o microbioma.

Assim, esse "cérebro abdominal" tem um efeito sistêmico no corpo, e os cientistas já apostam que ele esteja envolvido em uma ampla gama de doenças.

Agora, uma equipe do Instituto Karolinska (Suécia) conseguiu mapear os tipos de neurônios que compõem o sistema nervoso entérico no intestino de camundongos, abrindo caminho para o mesmo mapeamento em seres humanos.

Eles também descobriram como os diferentes neurônios se formam durante o desenvolvimento fetal, um processo que segue princípios diferentes em relação aos neurônios do cérebro.

Neurônios do intestino

Em termos gerais, a função neuronal pode ser dividida em sensorial, motora ou interneuronal; agora, os pesquisadores conseguiram descrever subgrupos dessas células nervosas também no "cérebro abdominal".

Hoje os médicos já discutem se demências como Parkinson começam no cérebro ou no intestino, tamanha é a importância do "cérebro abdominal".
[Imagem: Lundbeck Foundation]


No total, eles identificaram e classificaram 12 tipos diferentes de neurônios SNE (sistema nervoso entérico), incluindo subgrupos de neurônios sensoriais, alguns dos quais são ativados por substâncias nos intestinos e afetam o sistema imunológico, enquanto outros são estimulados mais mecanicamente.

Os pesquisadores também estudaram como os neurônios do trato gastrointestinal se formam durante a gestação e descobriram que o processo de maturação segue princípios diferentes dos do sistema nervoso central (SNC). No SNC, os neurônios amadurecem a partir de células-tronco que são "pré-programadas" para formar um determinado tipo de neurônio, dependendo de sua localização, uma vez que diferentes tipos de neurônios são necessários em diferentes locais do SNC.

Já no sistema nervoso entérico, a mesma composição de neurônios é necessária ao longo de todo o intestino. Portanto, não está claro como as células do SNE "sabem" como devem amadurecer em tipos específicos de neurônios.

"O que faremos a seguir é ativar sistematicamente os diferentes neurônios no SNE em camundongos para estudar como as funções gastrointestinais são afetadas," disse a professora Ulrika Marklund. "Isso nos permitirá produzir conhecimento funcional detalhado sobre os diferentes neurônios. Portanto, no futuro, seremos capazes de descobrir o papel desempenhado pelos neurônios em diferentes doenças intestinais e identificar alvos para novos medicamentos."

Checagem com artigo científico:

Artigo: Diversification of molecularly defined myenteric neuron classes revealed by single-cell RNA sequencing
Autores: Khomgrit Morarach, Anastassia Mikhailova, Viktoria Knoflach, Fatima Memic, Rakesh Kumar, Wei Li, Patrik Ernfors, Ulrika Marklund
Publicação: Nature Neuroscience
DOI: 10.1038/s41593-020-00736-x


https://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=cientistas-comecam-classificar-neuronios-cerebro-abdominal&id=14468&nl=nlds

sexta-feira, 25 de dezembro de 2020

DE: INSTITUTO PLURAL - FELIZ NATAL e ÓTIMO ANO DE 2021

DE: INSTITUTO PLURAL 

Às especiais pessoas que conviveram conosco neste "estranho" ano de 2020!!!

Nós continuaremos fazendo parte de MUITAS especiais vidas!!
Um especial ABRAÇO aos amigos e amigas de PATO BRANCO - PR que nos deram aulas de dedicação e fraternidade ao longo deste nosso período de convivência.

QUE TODOS OS BONS SENTIMENTOS QUE O NATAL TRAZ PREENCHAM SEU CORAÇÃO, PROPORCIONANDO MAIS ALEGRIA PARA CADA DIA DO ANO NOVO E QUE VOCÊ POSSA DIVIDIR TUDO ISTO COM PESSOAS ESPECIAIS QUE FAZEM PARTE DE SUA VIDA!
FELIZ NATAL!