Pesquisar este blog

quinta-feira, 14 de julho de 2011

PARURESE

 BANHEIRO PÚBLICO DE PORTLAND - ESTADOS UNIDOS
(http://northportlandneighborhood.net/sentinel/?q=node/5066)
Pode ser constrangedor usar um banheiro perto de muita gente, como em uma casa cheia ou em um restaurante lotado. Mas algumas pessoas têm tanta retração na hora de fazer isso que só conseguem usar o banheiro em algumas situações específicas – normalmente quando estão sozinhas em casa. Essa fobia tem nome: é a parurese, também chamada de bexiga tímida.
O que preocupa as pessoas com esse transtorno é o medo dos julgamentos que as outras pessoas vão fazer ouvindo o barulho que sai do banheiro. O receio é que elas as considerem estranhas, inferiores ou não masculinas, no caso dos homens. Pessoas do sexo masculino são mais afetadas pela fobia, mas ela também existe em mulheres e até em crianças.
Alguns dos paruréticos encontram técnicas para conseguir fazer xixi – ou não ter vontade de fazer – com outras pessoas nas proximidades, como não beber nenhum líquido se houver apenas banheiro público no local e fazer barulho com a descarga ou torneira enquanto estiver urinando.
Metades das pessoas que precisam de privacidade máxima para urinar tiveram o início da fobia depois de sofrer com traumas ou situações estressantes, sofrendo bullying ou sendo pressionados pelos pais, por exemplo. Isso cria um ciclo de medo que não deixa mais a pessoa livre, fazendo com que a bexiga se contraia e não permita que ela faça xixi normalmente. Um fato interessante é que quem tem fobia de urinar em público, normalmente consegue fazer o número 2 (que a maioria das pessoas sem a fobia evita ao máximo).
Muitos paruréticos sofrem em silêncio em não poder urinar como as outras pessoas. Mas a fobia é um transtorno psicológico que tem tratamento. 80% a 90% dos doentes podem ficar consideravelmente melhores através de terapias cognitivo-comportamentais. A International Paruresis Association (Associação Internacional de Parurese) foi fundada há 15 anos e reúne e auxilia pessoas que sofrem com a fobia. 
De acordo com o site da associação, 17 milhões de pessoas devem sofrer do transtorno. [MSN]
(FONTE:STEPHANIE d'ORNELAS - http://hypescience.com/banheirofobicos-tem-gente-que-nao-faz-xixi-em-publico-por-nada/)

55 comentários:

  1. tenho a paruresis e preciso de cura alquem pode me ajuda aobrigado

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho este problema desde que criança . Nos dias de hoje só me afecta mesmo quando vou a casa de amigos ou a um bar. No entanto ultimante devido a stresses até em casa é dificil, o meu vizinho tem um hobby onde está sempre a fazer barulhos pequenos com o martelo e isso, para um paruretico é muito incomodo pois nós ficamos a escutar e concentrados nesses barulhos. Estou a pensar ir a Inglaterra eles tem workshops onde ex sofredores ajudam a ultrapassar este problema extremamente frustrante.
    Martim

    ResponderExcluir
  3. Olá, Martim.
    Obrigado pela confiança e em compartilhar este seu problema.
    Com certeza, há como superar isto e confio na sua tenacidade.
    Um abraço.
    Joni

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho ate mesmo em casa quando tem alguem por perto do banheiro ou quando alguem passa pelo corredo, e muito ruim isso quando vou em uma festa so faco xixi em banheiro com porta fechada, e uma trava que tem mesmo que esteja com muita vontade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Conversei com um amigo psicólogo há pouco tempo sobre o assunto e ele me disse que é simples a abordagem terapeutica.
      Procure um especialista e deixe de sofrer por pouca coisa, ok?
      Um abraço.
      Joni

      Excluir
    2. Ok Joni vou procurar um especialista, Um forte abraco.

      Excluir
    3. SÁBIA decisão!!!!!!
      Tenho certeza que resolverá facilmente esta situação e que dará seu testemunho para incentivar outros a assim proceder.
      Como diria meu pai: "ganhei o dia hoje"!
      Forte abraço.
      Joni

      Excluir
  5. Hola Joni, eu também tenho um pouco de problema em usar banheiros públicos, geralmente eu vou quando não tem ninguem, porem quando to de barriga cheira, quando não da mais pra segurar, faço em qualquer lugar, geralmente depois de umas garrafas de cerveja. vc sabe de algunha dica ? eu ouvir falar de prender a respiração, ouvir uma musica, auto hipnose, sabe de algunha legal ?

    ResponderExcluir
  6. Olá.
    Com certeza, dicas tenho. É necessário que você se concentre somente no que está fazendo, deixando de prestar atenção no que está ao seu redor. Abstração, ok? Para isto, se você tiver possibilidade de utilizar algumas técnicas de auto-hipnose tanto melhor. Fiz um curso e não é difícil tirar proveito de orientações de especialistas. Procure um curso destes, se inscreve e não se arrependerá, garanto!
    Um abraço.
    Joni

    ResponderExcluir
  7. Estou com o mesmo problema.. e ele esta se agravando.. porque até em casa não consigo urinar facilmente! O que faço??

    ResponderExcluir
  8. Olá.
    Eu não sou da área médica e por uma questão ética não posso me manifestar sobre problemas médicos. Mas posso dizer que tenho amigos psicólogos que trabalham com terapia cognitivo-comportamental e dizem que este não é um assunto difícil de resolver. Porque você não procura ajuda especializada?
    Verá que a situação não é tão difícil de tratar e sua vida melhorará sensivelmente.
    Faça isto!
    Um abraço.
    Joni

    ResponderExcluir
  9. Desculpe o pessimiso mas isso NÃO TEM CURA. Algumas pessoas simplesmente possuem algo genético e se sentem vulneráveis e ameaçadas quando estão urinando, portanto é infelizmente o seu corpo e sua mente te protegendo de um suposto ataque inimigo que te arrebataria na hora em que você urina. Já fiz hipnose, tomeir ansiolíticos, abusei de álcool, nada disso funciona, a única coisa que funciona é um banheiro vazio ...

    ResponderExcluir
  10. procurei um especialista, ja melhorei bastante, isso realmente é coisa da mente mesmo, é só relaxa e não ligar pro que esta a sua volta, e alem do mais todos os homens do mundo são assim

    ResponderExcluir
  11. Amigos, visitem este blog, vamos difundir essa ideia!

    http://paruretico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Nem sabem como é bom, encontrar um blog destes onde pessoas têm o mesmo problema que eu...
    Acredito que haja cura, mas é mesmo muito mau estar a "rebentar" de vontade e não conseguir urinar, quando se sai com os amogos para a discoteca então é mesmo um suplicio... :(

    ResponderExcluir
  13. sabe eu tenho isto faz muito tempo, só eu sei como eu sofro. Eu não consigo acreditar que existe cura, quando eu não consigo urinar em algum fico muito nervoso e ancioso e dae tenho até dificuldade para urinar em casa tambem.. Parece que é só eu que sofro disso no mundo.. Quase nunca encontro alguem com mesmo problema..

    ResponderExcluir
  14. Eu tenho esse problema, alias tenho desde quando me entendo por gente. Isso afeta em muito minha vida, uma vez q evito ao maximo lugares publicos, tipo shows, shoppings, e até mesmo casa de amigos (me fazendo parecer uma pessoa anti-social, q não sou). Isto acaba com minha vida social e está atrapalhando em muito a das pessoas q me cercam, principalmente filhos q por eu não sair, tb não estão tendo esse direito. Exite algum medicamento q force a micção?

    ResponderExcluir
  15. este problema é um tanto complicado e bem delicado, nao parece muito para quem nao possui o mesmo transtorno, mas ja me causou muito estresse. certa vez fui pesca com meus tios e passamos horas no barco bebem e conversando, todos mijando do barco mesmo e eu segurando, quando tava quase louco dde tanto segurar fomos embora e consegui chegar ao banheiro, fiquei impressionado com a minha capacidade de segurar o mijo kkkk mas foi muito ruim. pensei que nao seria algo que englobasse tanta gente assim. isso me aflige e muito, quase um trauma ja com tantas experiencias ruins. vou a procura de um especialista o quanto antes vlw e um forte abraço a todos que apoiaram a ideia de procuram ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso aconteceu comigo também ,so que fiquei a noite inteira no barco ,imagine o sofrimento...

      Excluir
    2. eu uma vez fiquei 22 horas

      Excluir
  16. Eu tenho esse problema desde criança, e eu nunca imaginava que isso acontecia com outras pessoas, eu até consigo urinar em casa, perde de algum familiar, mas quando tem estranhos próximos, em banheiros públicos, escolas ou universidade eu não consigo, só se tiver uma privada com porta, só consigo assim, é terrivel, uma vez fui numa igreja, eu tava tão apertado que já tava pingando, mas quando fui no banheiro cheio de gente, não tinha portas , eu forçava forçava e não saiu uma gota. Só consegui quando cheguei em casa mesmo, foi horrivel.

    ResponderExcluir
  17. EU TIVE ESTE PROBLEMA NA MINHA ADOLESCENIA ATE OS 30 ANOS FAZ TEMPO QUE NAO TENHO SO QUE AGORA VOU VIAJAR E ESTOU COM MEDO DE ACONTECER ISTO NO AVIAO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. irmao o mesmo ta acontendo comigo tambem toa pra viajar mi diga voce conseghiu

      Excluir
  18. eu tive este problema entre meus 24 a 31 anos agora ja faz uns 4 anos que nao tenho mais , so que vou fazer a minha primeira viagem de aviao e vai demorar umas 8 horas estou com medo de acontecer no avião tem algum remedia pra ajudar ?

    ResponderExcluir
  19. eu sofro de parulese e so colocar o penis na agua morna que vc comsegue urinar

    ResponderExcluir
  20. Possuo este transtorno e isto e extremamente constrangedor, alguem sabe de algum tratamento especifico que tenha dado resultado.......

    ResponderExcluir
  21. cara isso é um inferno nem usando drogas vc consegue

    ResponderExcluir
  22. Anonimo, sou mulher e sofro de parurese desde a infância. Passei mais de 20 anos sofrendo em silêncio. Estou em tratamento com hipnoterapia cognitiva. Já tive alguns avanços, mas é uma caminhada. Tem dias q vc cai. Hoje, por exemplo, não conegui urinar em um bamheiro público pq uma amiga estava na cabine ao lado. Escutei o xixi dela e travei. Isso é uma batalha diária. Cheguei em casa péssiama. Meu terapeuta me disse q parurese não tem cura, só controle. É a fobia decorrente de sermos ansiosos. E ansiedade não tem cura, só controle. Iremos conviver com isso para sempre, mas aprenderemos a controlar e conseguir urinar em todas as situações. Espero ter ajudado.

    ResponderExcluir
  23. Também sou mulher e sofro disso. Já passei situações extremas de ficar um dia inteiro sem ir ao banheiro,a situação de ter alguém me esperando terminar o mais rápido possível me apavora.
    Não sabia que era uma doença,penso em buscar tratamento pois mal bebo um copo inteiro em festas com medo de ter que utilizar o banheiro.

    ResponderExcluir
  24. Alguém de Portugal? Penso que uma forma de superar era enfrentar o problema com alguém que também o tenha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho esse Problema desde os 10 anos, hoje tenho 54, também e procuro ajuda a muitos anos. Nunca encontrei nenhum profissional que já tivesse tratado pacientes com Paruresis. e já consultei diversos Psiquiatras e Psicologos

      Excluir
  25. Eu também sofro muito com isso,e tenho medo de fazer certas coisas por causa deste poblema...Sabe eu sou uma pessoa de espirito forte que não desiste fácil de nada tenho sonho de arrumar um bom serviço sair viajar conhecer lugares,Eu daria tudo pra não ter este poblema...

    ResponderExcluir
  26. preciso conversar com pessoas que tem este poblema.Se alguém quiser podemos arrumar um jeito de conversar sobre isto..Sem lá ou sermos amigos...Assim poderemos se dar bem como amigos entende...

    ResponderExcluir
  27. Sou mulher e tenho esse problema há muitos anos, acho que desde criança. Acredito que algumas pessoas tem essa tendência pois outras irmãs também são assim. O meu caso é moderado, não me importo em usar banheiro público talvez porque não conheça as outras frequentadoras. Já no trabalho me incomoda muito a cabide onde a parte de cima fica aberta e dá pra ver os pés em baixo. Muitas vezes acabo não conseguindo usar o banheiro. O curioso é que pra mim se o banheiro estiver cheio acho melhor pois o som da minha urina não vai se destacar. Não sei quando isso começou mas na minha infância fui uma criança muito complexada e insegura. Acredito que se trabalharmos nossa autoconfiança e autoestima conseguiremos superar a parurese.

    ResponderExcluir
  28. Sofro de paruresis desde os 16 anos, hoje tenho 24, assim como alguns, também daria tudo pra não ter esse problema, o pior é que isto está afetando outras áreas. Pelo fato de não conseguir urinar, evito sair com os amigos do trabalho, e os caras chegam a pensar que sou viado, (sou casado), é algo muito complicado que queria compartilhar com outras pessoas que tem o mesmo problema. Se alguém souber de algo para minimizar essa situação nos mantenha informados. Obrigado.

    ResponderExcluir
  29. Já pensou se várias pessoas com o mesmo problema se juntassem pra ir ao banheiro pra ver quem ganha a batalha?

    Também tenho, mas consigo controlar às vezes, sempre bato aquele papo interno: "Poh, geral mija, vai lá", chegando lá, já vendo uma pessoa no banheiro, vou na pia, lavo a mão, e saio. Tá que pariu. É desconfortável de mais. Mas eu sempre me forço, aceito numa boa o problema. Uma vez eu tava tão apertado que fui, não importava quem tivesse lá. Então percebi que consigo, desde que eu fique muito apertado. Apenas fale pra você mesmo: "Foda-se". KKKK. Não é nada fácil. O processo de aceitação é complicado, mas é uma forma que encontrei. Usar o Mictório ainda não consigo, aliás, não fiz o teste, mas fico com receio, vai que tenha alguém lá e perceba que eu não to mijando naquela parada?

    Já me questionei muito, não é o barulho que me incomoda. Banheiro Fechado, só eu lá e tal, é tranquilo, não importa onde eu esteja, agora aquele banheiro coletivo... É algo que eu tento superar todo dia, uma hora conseguirei. Acredite em você, vai dá certo.

    ResponderExcluir
  30. Olá, li todos os comentários de vocês e me solidarizo pois sofro disso deste pequena! É um pesadelo, não sei dizer quando e como essa fobia me afetou, é terrível demais!

    Praticamente não saio de casa, quando saio procuro beber pouco líquido e voltar o mais rápido possível, viagens só faço se forem de no máximo duas horas e com hotel reservado para poder ir ao banheiro! Infelizmente até em casa eu já tive crises, geralmente peço para meus familiares irem para sala e assistirem TV no volume alto, ou ficarem longe do banheiro... Se vou ao banheiro e tem vizinhos fazendo barulho e eu escuto, também travo... Uma vez fiquei um dia inteiro sem conseguir urinar em minha própria casa, tive que ser hospitalizada e sondada para alívio!

    Sinto uma tristeza enorme, sou da área da saúde (biomédica) e sei que isso afeta não somente o meu psicológico como o meu organismo também! Tenho receios de ir em psicólogos e não conseguir um tratamento eficaz, ou de ir a um psiquiatra e ter que tomar remédios fortes...

    Penso que talvez não exista a cura por se tratar de um transtorno de ansiedade e fobia social (engraçado que eu sou super simpática e considerada por muitos extrovertida) gostaria muito que isso nunca tivesse acontecido comigo!

    Poucas pessoas sabem que sofro deste transtorno (íntimos somente) pois muitos não compreendem e até debocham por considerarem algo tão simples e corriqueiro para eles... Estou escrevendo aqui até por desabafo pois sei que vocês são os únicos que realmente conseguem compreender o todo que essa fobia representa em nossas vidas! Obrigada por existirem, sei que não estou sozinha...




    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara amiga,

      Também sofro de bexiga tímida em um nível menor que o seu, pois em casa geralmente eu uso tranquilamente ou perto de familiares.
      Porém nos banheiros públicos é complicado, geralmente tenho rotinas de ir em horários que não tem ninguém ou me tento me distrair com barulhos de outras pessoas( nem sempre dá certo).
      Acredito que nenhum remédio pode resolver nosso problema, apenas terapia. Eu consegui melhorar bastante, já tive um serviço que o banheiro também era único e mostrava os pés. Eu detestava e pouquíssimas vezes consegui utilizá-lo.

      Meu psicológico provavelmente ficou abalado pela cultura que se demora muito no banheiro está fazendo o número 2 e os coleguinhas de escolas faziam brincadeirinhas etc.
      Espero que você consiga melhorar. Já passei apuros, mas ainda nunca tive que utilizar uma sonda.

      Abraços

      Excluir
  31. eu tô sofrendo com esse problema tbm,eu n sei como eu arranjei e n sei como se livrar dele,só sei que começou ta com alguns meses,isso é muito ruim,eu n consigo urinar na escola,eu passo o dia todo lá mas n consigo,em casa eu urino de boa,pode ter muitas pessoas no local e mesmo assim eu consigo depois de fechar a porta.Eu quero me livrar logo dessa porra,só tenho 16 anos e n quero viver com isso pro resto da minha vida

    ResponderExcluir
  32. SOU CASADO E TBM SOFRO COM ISSO, MTO RUIM , VARIAS VESES ENTRAVA NO BANHEIRO COM MEUS AMIGOS TODOS MIJAVAM E EU NADA , ATE Q CHEGOU UMA HORA Q PAREI DE TENTAR IR COM ELES , SEMPRE DOU UM GEITINHO DE IR SO, MAS A POUCO MENOS DE UM ANO ESTOU FAZENDO ISSO COM AMIGOS VIRTUAIS Q SOFRE DO MESMO POBLEMA, TEMOS UM GRUPO NO SKYPE GARANTO Q ESTOU MAS SEGURO EM CONVERSAR E SABER Q ISSO ACONTECE COM OUTRAS PESSOAS, ATE FAZEMOS ISSO NA CAM CONFESSO Q AS VESES CONSIGO E OUTRAS NAO, MAS ESTOU MTO CONFIANTE POIS JA CONSIGO FAZER NA RUA MESMO VENDO PESSOAS PASSAR, COISA Q N CONSEGUIA ANTES, TIPO UMA TERAPIA, FIZ UM SKYPE SO PRA ISSO SE QUISEREM FORMAR UM GRUPO ME ADD AI NO SKYPE carlosbarbosamacho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  33. TBM PASSO POR ISSO, MTO RUIM, PRINCIPALMENTE QUANDO SEUS AMIGOS COMEÇAO A PERCEBER Q VC NAO VAI AO BANHEIRO JUNTOS COM ELES , SEM CONTAR QUANDO RELMENTE EU ESTOU MTO AFIM MAS FICO ME SEGURANDO, PARTICIPO DE GRUPO DE PESSOAS Q PASSAM PORISSO NO SKYPE DEVIDO ALGUMAS CONVERSAR E ORIENTAÇOES JA TENHO ALGUMAS PEQUENAS MELHORAS SE ALGUEM AI QUEIRA PARTICIPAR E DIVIDIR EXPERIENCIAS CRIEI ESSE SKYPE SO PRA ISSO,ADD AI MEU SKYPE carlosbarbosamacho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  34. É amigos entendo vocês. Acredito que tem solução sim, é um bloqueio feito por nós mesmos, por algum motivo em alguma linha de tempo. Agora, como acessar isso se não sabemos o real motivo? Acho que é um medo que tem que ser enfrentado. Talvez no início com pessoas de confiança junto. Mas como é um problema proporcionalmente raro, não confio em ninguém para revelar, pois tenho certeza que essa pessoa irá passar p frente essa informação. Aí fico numa sinuca de bico, mas hoje já dei o primeiro passo, descobri que o nome dessa situação é Papurese. Era tão complexado com isso q tinha vergonha até de ir atrás de informação, isso que o problema veio desde adolecente.
    Então quem sabe reunir o pessoal em algum lugar em algum fim de semana presencial e fazer algum tipo de terapia de libertação, afinal temos capacidade certo ?

    ResponderExcluir
  35. tbm sofro do mesmo problemas apoio a formação de um grupo de ajuda presencial, presizo voltar a viver normalmente

    ResponderExcluir
  36. Mano sofro disso tem vários anos, não sei o que fazer... morei dois anos em internato sofrendo com essa situação, por vezes tive que fingir que estava defecando para conseguir urinar, na verdade essa é minha tecnica pessoal...
    Até hoje eu busco a cura... isso atrapalha de mais a minha vida... ja tive que sair desesperado de alguns lugares por que não conseguia urinar... Inclusive da casa da minha ex namorada...

    ResponderExcluir
  37. Cara, isso realmente é horrível! Eu vim procurar saber só agora a respeito e, me aliviei ao saber que muitas outras pessoas também possuem esta merda. Na escola é um horror, você criando rotinas e certos horários específicos para ir ao banheiro sabendo que não terá ninguém ou demorar mais de 20 segundos para urinar e logo ir para a pia lavar a mão fingindo ter urinado, puta merda! No final das contas, é ruim demais ter que usar a porra da malandragem pra PODE URINAR!!

    ResponderExcluir
  38. Alguns seres humanos possuem instintos mais fortes do que outros.
    Na natureza o homem nao urinava proximo a outros e isso e algo totalmente criado pela sociedade.
    Afinal e um momento de relaxamento e ninguem quer pessoas batendo papo por perto ou mesmo defecando.

    ResponderExcluir